Relógio carbônico

Blog monitorado

Monitoramento de terremotos

Image and video hosting by TinyPic

O sol hoje! clique aqui.

sun

Clique e veja a lua

moon

Clique e veja nosso planeta.

eart

Tempo

OBA

TRADUTOR

Arquivo do Blog

Parceria

QUÍMICA PERIÓDICA

EDUCADORES MULTIPLICADORES

FOTOS DA COLAÇÃO DE GRAU - FÍSICA/UFRN

AGRADECIMENTOS A TODOS.


Neste último dia 23 de março recebi oficialmente o diploma de graduação em Física pela renomada Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Em cerimônia realizada na cidade de Martins - Rio Grande do Norte.
Na ocasião estiveram presentes algumas autoridades como a coordenadora do curso, a professora Auta Stella, e prefeita municipal, Maria José, e a primeira coordenadora do polo presencial UAB desta cidade, a professora Fátima Cruz, além da atual coordenadora Hélia.
Foi um dia importante para mim, pois, era um desejo meu chegar a este patamar. Usasndo o espaço do blog Ciências aqui!!!, quero deixar registrado aqui o meu agradecimento a todos que direta ou indiretamente contribuíram para que eu atingisse este objetivo. Ainda tenho muito o que conquistar, mas estes primeiros passos foram importantes para mim. Deixo aqui registrado os meus agradecimentos aos professores da UFRN e monitores, tenho certeza que nunca irei esquecer vocês, e saibam, que ainda vamos nos encontrar nos corredores do departamento de Física teórica e experimental da UFRN.
Agradeço a todos o apoio que tive e o conhecimento que me foi adicionado. Usando as palavras de Newton "Se vi mais longe foi por estar de pé sobre ombros de gigantes."
OBRIGADO!!!
Veja artigo no blog SERRA DE MARTINS

PS. BREVE, AQUI NO BLOG, FOTOS DA SOLENIDADE DE FORMATURA.

Em um dia de hoje nascia um gênio da ciência.


Albert Einstein, o mais célebre cientista do século 20, foi o físico que propôs a teoria da relatividade. Ganhou o Prêmio Nobel de física de 1921. Einstein tornou-se famoso mundialmente, um sinônimo de inteligência. Suas descobertas provocaram uma verdadeira revolução do pensamento humano, com interpretações filosóficas das mais diversas tendências.

Einstein nasceu na Alemanha em uma família judaica não-observante. Seus pais, Hermann Einstein e Pauline Koch, casaram-se em 1876 e se estabeleceram na cidade de Ulm. Hermann tornou-se proprietário de um negócio de penas de colchões.

Quando Einstein tinha um ano, a família se mudou para Munique. Com três anos de idade, Einstein apresentava dificuldades de fala. Aos seis, aprendeu a tocar violino, instrumento que o acompanharia ao longo da vida.

Em 1885, Hermann fundou, com o irmão Jacob, uma empresa de material elétrico. Em outubro daquele ano Einstein começou a freqüentar uma escola católica em Munique. Depois entrou no Luitpold Gymnasium, onde permaneceu até os 15 anos.

Com dificuldades nos negócios, em 1894 a família se mudou para a Itália. Einstein permaneceu em Munique a fim de terminar o ano letivo. Em 1895, fez exames de admissão à Eidgenössische Technische Hochschule (ETH), em Zurique. Foi reprovado na parte de humanidades dos exames. Foi então para Aarau, também na Suíça, para terminar a escola secundária.



Em 1896 recebeu o diploma da escola secundária e, aos 17 anos, renunciou à cidadania alemã, ficando sem pátria por alguns anos. A cidadania suíça lhe foi concedida em 1901. Cursou o ensino superior na ETH em Zurique, onde mais tarde foi docente.

A 6 de janeiro de 1903 casou-se com Mileva Maric. Tiveram três filhos: Lieserl, Hans Albert e Eduard. A primeira morreu ainda bebê, o mais velho tornou-se professor de hidráulica na Universidade da Califórnia e o mais jovem, formado em música e literatura, morreu num hospital psiquiátrico suíço.

Entre 1909 e 1913 Einstein lecionou em Berna, Zurique e Praga. Voltou à Alemanha em 1914, pouco antes do início da Primeira Guerra Mundial. Aceitou um cargo de pesquisa na Academia Prussiana de Ciências junto com uma cadeira na Universidade de Berlim. Também assumiu a direção do Instituto Wilhelm de Física em Berlim.

Em novembro de 1915, Einstein fez uma série de conferências e apresentou sua teoria da relatividade geral. No ano seguinte o cientista publicou "Fundamento Geral da Teoria da Relatividade".

Em 1919, separou-se da esposa Mileva e se casou com a prima Elsa. Naquele ano tornou-se conhecido em todo o mundo, depois que sua teoria foi comprovada em experiência realizada durante um eclipse solar.

Einstein ganhou o Prêmio Nobel de Física de 1921 e foi indicado para integrar a Organização de Cooperação Intelectual da Liga das Nações. No mesmo ano, publicou "Sobre a Teoria da Relatividade Especial e Geral".

Ao longo da vida, Einstein visitaria diversos países, incluindo o Brasil, em 1925. Entre 1925 e 1928, Einstein foi presidente da Universidade Hebraica de Jerusalém.

Em 1933, Hitler chegou ao poder na Alemanha e o cientista foi aconselhado por amigos a deixar o país, renunciando mais uma vez à cidadania alemã.

A 7 de outubro de 1933, Einstein partiu para os Estados Unidos, onde passou a integrar o Instituto de Estudos Avançados da Universidade de Princeton. Em 1940 ganhou a cidadania americana, mantendo também a cidadania suíça.

Em 1941 teve início o Projeto Manhattan, que visava o desenvolvimento da bomba atômica pelos americanos. Einstein não teve participação no projeto. Em 1945, renunciou ao cargo de diretor do Instituto de Estudos Avançados da Universidade de Princeton, mas continuou a trabalhar naquela instituição.

A intensa atividade intelectual de Einstein resultou na publicação de grande número de trabalhos, entre os quais "Por Que a Guerra?" (1933), em colaboração com Sigmund Freud; "O Mundo como Eu o Vejo" (1949); e "Meus Últimos Anos" (1950). A principal característica de sua obra foi uma síntese do conhecimento sobre o mundo físico, que acabou por levar a uma compreensão mais abrangente e profunda do universo.

Em 1952, Ben-Gurion, então primeiro-ministro de Israel, convidou Albert Einstein para assumir o cargo de presidente do Estado de Israel. Doente, Einstein recusou. Uma semana antes de sua morte assinou sua última carta, endereçada a Bertrand Russell, concordando em que o seu nome fosse incluído numa petição exortando todas as nações a abandonar as armas nucleares.

Contribuindo para a física no século 20 no âmbito das duas teorias que constituíram seus traços mais peculiares - a dos quanta e da relatividade -, Einstein deu à primeira o elemento essencial de sua concepção do fóton, indispensável para que mais tarde se fundissem, na mecânica ondulatória, a mecânica e o eletromagnetismo. E deu à segunda sua significação completa e universal, que se extrapola dos campos da ciência pura e atinge as múltiplas facetas do conhecimento humano. Saliente-se também que algumas das descobertas de Einstein - como a noção de equivalência entre massa e energia e a do continuum quadridimensional, suscitaram interpretações filosóficas de variadas tendências.

Einstein morreu a 18 de abril de 1955, em Princeton, Nova Jersey, aos 76 anos. Seu corpo foi cremado.

Vestibular da UFRN pode ter mudanças e preocupa estudantes


O ingresso na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) pode ter mudanças. A proposta da Comissão Permanente do Vestibular (Comperve) para o concurso deste ano é que as vagas oferecidas sejam divididas 50% para o vestibular e 50% para o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). A novidade preocupa os estudantes que estão se preparando para as provas aplicadas no fim do ano.

“O Enem é uma prova muito cansativa, exige muito do aluno, mistura conteúdo. O vestibular é mais especifico. É um estilo de prova totalmente diferente”, explica Matheus Carvalho, aluno que conhece os dois modelos. Já para a estudante Maria das Graças, a mudança não é favorável quando se avalia a credibilidade do Enem. “Se for avaliar pela credibilidade do Enem no Brasil vai ser ruim, há muitos problemas com erros”.
A medida, que para vigorar no concurso precisa ser aprovada pelo Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Consepe) da UFRN, já é realizada em outras universidades do país e para os professores potiguares acarreta uma mudança no programa de estudos. “Os alunos terão que interagir entre as disciplinas. Uma mudança radical no modo de estudar dos alunos”, afirma Evandro Brandão, professor de Biologia.

Segundo Magda Pinheiro, presidente da Comperve, a proposta foi apresentada desde o resultado do vestibular 2012 e a definição deve sair entre os meses de abril e maio. “A UFRN está aderindo ao Enem gradativamente, até chegar a totalidade como na maioria das universidades do país. É uma tentativa de democratização do acesso à universidade federal”.

A mudança, além de interferir na preparação dos alunos, pode facilitar o acesso de estudantes de outros estados, como vêm acontecendo em outras regiões e preocupa os professores potiguares. No Acre, por exemplo, uma universidade já realizou 5 chamadas e não consegue fechar a turma porque os aprovados são de outras cidades.

Fonte: Diário de Natal

Veja foto de aurora austral entre a Antártida e a Austrália


É do astronauta holandês Andre Kuipers a foto tirada da aurora austral que, neste caso, é visível entre a Antártida e a Austrália (a aurora no Norte da Terra é chamada de boreal).

A imagem mostra ainda partes da ISS (Estação Espacial Internacional) em um clique feito no último sábado (10), que foi divulgado pela Nasa (agência espacial americana) nesta terça-feira (13).

O fenômeno de luzes de cores distintas é causado pela interação de ventos e poeira solar e o campo magnético terrestre.

Fonte: Folha.com

Category: 1 comentários

PRINCIPAIS DROGAS E SEUS EFEITOS


As drogas atuam no cérebro afetando a atividade mental, sendo por essa razão denominadas psicoativas. Basicamente, elas são de três tipos:
  1. drogas que diminuem a atividade mental – também chamadas de depressoras. Afetam o cérebro, fazendo com que funcione de forma mais lenta. Essas drogas diminuem a atenção, a concentração, a tensão emocional e a capacidade intelectual. Exemplos: ansiolíticos (tranqüilizantes), álcool, inalantes (cola) , narcóticos (morfina, heroína);
  2. drogas que aumentam a atividade mental – são chamadas de estimulantes. Afetam o cérebro, fazendo com que funcione de forma mais acelerada. Exemplos: cafeína, tabaco, anfetamina, cocaína, crack; e
  3. drogas que alteram a percepção – são chamadas de substâncias alucinógenas e provocam distúrbios no funcionamento do cérebro, fazendo com que ele passe a trabalhar de forma desordenada, numa espécie de delírio. Exemplos: LSD, ecstasy, maconha e outras substâncias derivadas de plantas.
DROGAS QUE DIMINUEM A ATIVIDADE MENTAL:
. Tranquilizantes/Ansiolíticos:
ORIGEM:
Substâncias sintéticas
produzidas em laboratório
CONHECIDA COMO:
Sedativos, calmantes.Valium, Lexotan, Diazepan,Dienpax,
Librium,Lorax,
Rohypnol,
Dalmadorm.
POSSÍVEIS EFEITOS:
Alívio da tensão e da ansiedade, relaxamento muscular, sonolência, fala pastosa, descoordenação dos movimentos, falta de ar.
POSSÍVEIS CONSEQUÊNCIAS:
Em altas doses podem causar queda da pressão arterial.
Quando usadas com álcool, aumentam os seus efeitos, podendo levar a estado de coma.
Em grávidas podem causar mal formação fetal.
Álcool Etílico
ORIGEM:
Obtido a partir de cana-de-açúcar, cereais ou frutas, através de um
processo de fermentação
ou destilação.
CONHECIDA COMO:
Álcool, "birita", "mé", "mel", "pinga", "cerva".
POSSÍVEIS EFEITOS:
Em pequenas doses: desinibição, euforia, perda da capacidade crítica;
Em doses maiores: sensação de anestesia, sonolência, sedação.
POSSÍVEIS CONSEQUÊNCIAS:
O uso excessivo pode provocar náuseas, vômitos, tremores, suor abundante, dor de cabeça, tontura, liberação da agressividade, diminuição da atenção, da capacidade de concentração, bem como dos reflexos, o que aumenta o risco de acidentes.
O uso prolongado pode ocasionar doenças graves como, por exemplo, cirrose no fígado e atrofia (diminuição) cerebral.
Inalantes/Solventes.
ORIGEM:
Substâncias químicas.
CONHECIDA COMO:
Cola de sapateiro, esmalte, benzina, lança-perfume, "loló", gasolina, acetona, éter, tíner, aguarrás e tintas.
POSSÍVEIS EFEITOS:
Euforia, sonolência, diminuição da fome, alucinações.
Tosse, coriza, náuseas e vômitos, dores musculares. Visão dupla, fala enrolada, movimentos desordenados e confusão mental.
POSSÍVEIS CONSEQUÊNCIAS:
Em altas doses, pode haver queda da pressão arterial, diminuição da respiração e dos batimentos do coração, podendo levar à morte.
O uso continuado pode causar problemas nos rins e destruição dos neurônios (células do sistema nervoso), podendo levar à atrofia cerebral.
O uso prolongado está freqüentemente associado a tentativas de suicídio.
Narcóticos - ópio e derivados(heroína, morfina e codeína)
ORIGEM:
Extraídos da papoula ou produtos sintéticos obtidos em laboratório.
CONHECIDA COMO:
Heroína, morfina e codeína (xaropes de tosse, Belacodid, Tylex,
Elixir paregórico, Algafan
Elixir paregórico, Algafan).
Dolantina, Meperidina e Demerol.
POSSÍVEIS EFEITOS:
Sonolência, estado de torpor, alívio da dor, sedativo da tosse.
Sensação de leveza e prazer. Pupilas contraídas.
POSSÍVEIS CONSEQUÊNCIAS:
Pode haver queda da pressão arterial, diminuição da respiração e dos batimentos do coração, podendo levar à morte.
Na abstinência (interrupção do uso): bocejos, lacrimejamento, coriza, suor abundante, dores musculares e abdominais. Febre, pupilas dilatadas e pressão arterial alta.
DROGAS QUE AGEM NA ATIVIDADE MENTAL
Anfetaminas
ORIGEM:
Substâncias sintéticas obtidas em laboratório.
CONHECIDA COMO:
Metanfetamina, "ice", "bolinha", "rebite", "boleta".
Moderex, Hipofagin,
Inibex, Desobesi, Reactivan, Pervertin, Preludin..
POSSÍVEIS EFEITO:
Estimulam atividade física e mental, causando inibição do sono e diminuição do cansaço e da fome.
POSSÍVEIS CONSEQUÊNCIAS:
Podem causar taquicardia (aumento dos batimentos do coração), aumento da pressão sangüínea, insônia, ansiedade e agressividade.
Em doses altas podem aparecer distúrbios psicológicos graves como paranóia (sensação de ser perseguido) e alucinações. Alguns casos evoluem para complicações cardíacas e circulatórias (derrame cerebral e infarto do miocárdio), convulsões e coma.
O uso prolongado pode levar à destruição de tecido cerebral.
Cocaína
ORIGEM:
Substância extraída da folha de coca, planta encontrada na América do Sul.
CONHECIDA COMO:
pó, brilho, crack, "merla", pasta-base.
POSSÍVEIS EFEITOS:
Sensação de poder, excitação e euforia. Estimulam a atividade física e mental, causando inibição do sono e diminuição do cansaço e da fome. O usuário vê o mundo mais brilhante, com mais intensidade.
POSSÍVEIS CONSEQUÊNCIAS:
Pode causar taquicardia, febre, pupilas dilatadas, suor excessivo e aumento da pressão sangüínea.
Podem aparecer insônia, ansiedade, paranóia, sensação de medo ou pânico.
Pode haver irritabilidade e liberação da agressividade.
Em alguns, casos podem aparecer complicações cardíacas, circulatórias e cerebrais (derrame cerebral e infarto do miocárdio).
O uso prolongado pode levar à destruição de tecido cerebral.
Tabaco
ORIGEM:

Extraído da folha do fumo.
CONHECIDA COMO:
Cigarro, charuto e fumo.
POSSÍVEIS EFEITOS:
Estimulante, sensação de prazer
POSSÍVEIS CONSEQUÊNCIAS:
Reduz o apetite, podendo levar a estados crônicos de anemia.
O uso prolongado causa problemas circulatórios, cardíacos e pulmonares.
O hábito de fumar está freqüentemente associado a câncer de pulmão, bexiga e próstata, entre outros.
Aumenta o risco de aborto e de parto prematuro. Mulheres que fumam durante a gravidez têm, em geral, filhos com peso abaixo do normal.
DROGAS QUE CAUSAM DISTORÇÃO DA PERCEPÇÃO.
Maconha(tetraidrocanabinol)
ORIGEM:
Substância extraída da planta Cannabis sativa
CONHECIDA COMO:
Maconha, haxixe, "baseado", "fininho", "marrom".
POSSÍVEIS EFEITOS:
Excitação seguida de relaxamento, euforia, problemas com o tempo e o espaço, falar em demasia e fome intensa. Palidez, taquicardia, olhos avermelhados, pupilas dilatadas e boca seca.
POSSÍVEIS CONSEQUÊNCIAS:
Prejuízo da atenção e da memória para fatos recentes; algumas pessoas podem apresentar alucinações, sobretudo visuais.
Diminuição dos reflexos, aumentando o risco de acidentes
Em altas doses, pode haver ansiedade intensa; pânico; quadros psicológicos graves (paranóia).
O uso contínuo prolongado pode levar a uma síndrome amotivacional (desânimo generalizado).
Alucinógenos
ORIGEM:
Substâncias extraídas de plantas ou produzidas em laboratório.
CONHECIDA COMO:
LSD (ácido lisérgico, "ácido", "selo", "microponto"), PCP, Psilocibina(extraída de cogumelos) e mescalina(extraída de cactos)
POSSÍVEIS EFEITOS:
Efeitos semelhantes aos da maconha, porém mais intensos.
Alucinações, delírios, percepção deformada de sons, images e do tato.
POSSÍVEIS CONSEQUÊNCIAS:
Podem ocorrer "más viagens", com ansiedade, pânico ou delírios.
Ecstasy (metileno-dióxi-metanfetamina)

ORIGEM:
Substância sintética do tipo anfetamina, que produz alucinações.
CONHECIDA COMO:
MDMA,"êxtase", "pílula do amor".
POSSÍVEIS EFEITOS:
Sensação de bem-estar, plenitude e leveza. Aguçamento dos sentidos.
Aumento da disposição e resistência física, podendo levar à exaustão.
POSSÍVEIS CONSEQUÊNCIAS:
Alucinações, percepção distorcida de sons e images.
Aumento de temperatura e desidratação, podendo levar à morte.
Com o uso repetido, tendem a desaparecer as sensações agradáveis, que podem ser substituídas por ansiedade, sensação de medo, pânico e delírios.
Fonte:http://www.casadiajau.org/
Sugestão de artigo: Augusto Medeiros

ATIVIDADE SOLAR - 2012



Muito se falou do sol aqui neste espaço... Em minhas aulas de física vinha falando sobre o ciclo solar e suas influências aqui em nosso planeta, e, além disso, venho comentando que este ano e o próximo vamos nos deparar com algumas explosões solares, pois, verifica-se que a quantidade de manchas solares tende a aumentar neste ciclo solar que se inicia, e o aumento das mesmas implica em distorção de campo magnético do sol e assim mais ejeções.
Baseado na atual previsão, vemos que o pico da atividade solar do ciclo atual ocorrerá em maio de 2013.
Os valores calculados mostram que o fluxo solar ficará entre 132 e 150 , com o máximo previsto de 100 manchas solares .

A preocupação da humanidade é que hoje dependemos muito da tecnologia e a mesma pode ser afetada se ocorrer uma tempestade solar que se direcione a Terra e nos atinja em cheio, mas, estas ejeções de massa coronal são naturais e sempre ocorrem durante este cíclo de perturbação de nossa estrela. Para reforçar esta ideia apresento aqui um curta da Discovery Channel que fala sobre estes eventos que estamos vivenciando atualmente.


PARA SABER MAIS:

CLIQUE AQUI

CLIQUE AQUI

Vídeo do momento da explosão solar desta semana.

O vídeo apresentado aqui no blog foi obtido pelo telescópio espacial SOHO - sigla de Observatório Solar e Heliosférico - O satélite, operado conjuntamente pelas agências espaciais norte-americana (Nasa) e européia (ESA).
A missão do SOHO é vigiar o sol para que possamos ter um mapeamento do comportamento da estrela e, além disso, o telescópio se mostrou um exelente caçador de cometas.
Aqui vemos a explosão solar que culminou com a tempestade geomagnética mais forte que atingiu a terra estes últimos anos. Confiram:

LASCO C3

Novas da tempestade geomagnética que atingiu a Terra esta semana.



Uma poderosa carga de partículas carregadas está bombardeando a atmosfera terrestre desde as primeiras horas dessa sexta-feira, com potencial suficiente para provocar blecautes de radiopropagação e intermitências em equipamentos elétricos. A intensidade é maior que a observada ontem e que produziu auroras no hemisfério norte.
Desde as primeiras horas de sexta-feira, magnetômetros instalados na Universidade do Alasca, no círculo polar Ártico, estão registrando fortes desvios no campo magnético da Terra. Entre às 0600 BRT e 09h00 BRT, anomalias de até 600 nT (nanoteslas) foram registradas na componente vertical do campo magnético, provocando uma espécie de compressão nas linhas do fluxo magnético.

Às 00h13 BRT, um desvio de 500 nT foi registrado na componente H do campo magnético. Normalmente, anomalias fortes nessa componente causam desvios significativos em bússolas localizadas nas latitudes acima de 50 graus norte, mas que podem ser notados também em latitudes inferiores.
Como consequência do bombardeio dessa sexta-feira, o índice KP que mede a instabilidade na ionosfera saltou de KP-4 registrado às 21h00 BRT de quinta-feira para KP-7, às 09h00 BRT de sexta-feira. Países localizados na faixa do círculo polar ártico podem estar experimentando auroras mais intensas que as do dia anterior. Os valores KP deverão baixar ao longo do dia, à medida que o nível de ionização da ionosfera diminui.

O origem de todas as tormentas geomagnéticas observadas é a mancha solar 1429, que há 3 dias tem provocado fortes ejeções de massa coronal (CME) que estão arremessando bilhões de toneladas de gás ionizado em direção à Terra. Aqui, as partículas são bloqueadas e desviadas pelo campo magnético natural do planeta que as conduz na direção dos polos.

Artes: No topo, aurora boreal observada na cidade de Yellowknife, no Canadá, em 8 de março de 2012, como consequência da forte tempestade geomagnética. Acima, imagem do magnetômetro operado pela Universidade do Alasca mostra os momentos em que as partículas carregadas iniciaram o bombardeio na ionosfera, provocando forte desvio no campo magnético terrestre.
Fonte: Apollo 11
Category: 0 comentários

Mancha solar ativa.


A atividade da mancha solar 1429 vem aumentando e nas últimas horas foram observados diversos flares e ejeções de massa coronal de grande intensidade. Durante a madrugada, partículas carregadas ejetadas da estrela atingiram o campo magnético da Terra, provocando tempestades geomagnéticas que atingiram o nível KP-6.
Esse impacto foi provocado pela ejeção de massa coronal (CME) ocorrida na manhã do dia 6 de março, próxima à gigantesca mancha solar 1429.

Às 21h28 BRT de terça-feira, dia 6, outra CME ainda mais forte foi registrada na mesma região do Sol. O evento produziu um forte flare de classe X5, provocando um verdadeiro bombardeio de prótons que atingiu diretamente o satélite de observação solar SOHO. Essa emissão está nesse momento bombardeando o campo magnético da Terra e poderá provocar blecautes de radiopropagação e auroras boreais nas latitudes elevadas.

Para percorrer os 149 milhões de km que separam a Terra do Sol, as partículas carregadas viajaram a cerca de 6 milhões de km por hora.

De acordo com o Centro de Previsão de Clima Espacial dos EUA, SWPC, existem chances de ocorrerem novos flares de grande intensidade entre 7 e 9 de março.

Devido à posição da mancha solar 1429 estar se voltando em direção à Terra, podemos esperar mais instabilidades na ionosfera, que poderão atingir ou superar o nível KP-6.


Importante
Apesar do intenso bombardeio de radiação, não existem riscos para pessoas ou animais. O efeito maior é causado nas altas camadas da atmosfera, especialmente a ionosfera, onde poderão ocorrer distúrbios capazes de bloquear transmissões de rádio em baixa frequência. Não estão descartadas possibilidades de desvios significativos em bússolas nas latitudes equatoriais, assim como pequenos erros de geolocalização por GPS.


Partículas Carregadas
Após uma explosão solar ocorre a chamada "ejeção de massa coronal", uma gigantesca quantidade de gás ionizado que é emanado do Sol a velocidades altíssimas que superam facilmente a marca de 1 milhão de km/h.

Quando essa ejeção de partículas vem na direção da Terra, são bloqueadas e desviadas pelo campo magnético natural do planeta que as conduz na direção dos polos. O choque produz as chamadas tempestades geomagnéticas, com os inúmeros efeitos já descritos.


Consequências
Como vimos, a primeira consequência é a possibilidade de auroras boreais nas latitudes mais elevadas, provocadas pela ionização dos átomos de nitrogênio e oxigênio na atmosfera superior. Excitado, o nitrogênio emite fótons no comprimento de luz verde enquanto o oxigênio emite luz no espectro do vermelho.

Com relação às telecomunicações, as principais interferências ocorrem nos comprimentos de onda de frequências muito baixas - VLF - onde operam equipamentos de navegação e orientação de barcos e aeronaves. No entanto, devido à redundância de instrumentos utilizados para orientação e o uso de sistemas inerciais de orientação, esse seguimento é pouco afetado por tempestades solares.

GPS
Embarcações que utilizam exclusivamente GPS para orientação poderão também perceber pequenos erros de posicionamento. O motivo é que esses instrumentos baseiam-se no tempo que as ondas eletromagnéticas chegam até o receptor. Durante as tempestades geomagnéticas a ionosfera terrestre se torna mais densa no comprimento de onda utilizado pelo sistema GPS, retardando em alguns microssegundos a recepção dos sinais. No entanto, modelos computacionais conhecidos como Ionosferic Delay permitem aos operadores do sistema levar em conta esse atraso, introduzindo correções para que o erro seja minimizado.

Satélites e Redes Elétricas
Tempestades solares intensas também são responsáveis por danificar equipamentos a bordo de satélites e aumentar o arrasto deles na atmosfera, tornando frequente a necessidade de reposicionamento para que seja mantida a órbita programada.

O setor elétrico também sofre com as perturbações do Sol, que geram correntes elétricas induzidas nas linhas de transmissão. Dependendo da intensidade da tempestade e da região do planeta, as correntes induzidas podem danificar transformadores e em casos mais graves até mesmo explodir equipamentos, principalmente se localizados nas latitudes elevadas.
Fonte:
Category: 0 comentários

Tempestade solar pode causar danos ao planeta em 2020.


Uma enorme tempestade solar pode atingir a Terra na próxima década. A chance de isso acontecer é de 12% e pode causar danos de trilhões de dólares a humanidade.

Trata-se de um evento de proporções raras. Erupções solares responsáveis por causar tempestades na Terra são comuns, mas essa que acontecerá em 2020 deve ser parecida com a Carrington Event, que aconteceu há mais de 150 anos.Foi o evento mais poderoso já registrado. Ele aconteceu em 1 de setembro de 1859. Naquela manhã, o astrônomo Richard Carrington viu um clarão enorme que rompeu da superfície do sol e emitiu um fluxo de partículas na Terra viajando mais de 4 milhões de quilômetros por hora.

A estimativa da próxima tempestade solar catastrófica foi feita pelo físico Pete Riley, cientista sênior do Predictive Science, em San Diego, California. Riley conseguiu medir a chance de uma enorme tempestade solar ao olhar para bancos de dados históricos e calcular a relação entre o tamanho e a ocorrência das explosões solares. A pesquisa foi publicada na Space Weather, no dia 23 de fevereiro.
O Sol tem ciclos de atividade de aproximadamente 11 anos, com períodos mais intensos. As tempestades são causadas pelas manchas solares, regiões onde há uma redução de temperatura e pressão das massas gasosas no Sol, relacionadas ao seu campo magnético.

Além disso, quando as partículas elétricas liberadas nas explosões solares atingem o campo magnético da Terra, ficam retidas, o que provoca a intensa luminosidade no céu. Porém, apesar da aurora boreal ser muito bonita, as partículas carregadas podem causar estragos em sistemas elétricos.

Na tempestade de 1859, por exemplo, postos de telégrafo pegaram fogo, as redes tiveram grandes interrupções. Também foram registrados distúrbios no campo magnético da Terra. Portanto, quanto maior a quantidade de manchas solares, maiores são as explosões e as consequentes interferências na ionosfera terrestre, onde ficam as ondas de rádio, por exemplo.



A próxima tempestade solar pode destruir os computadores, derreter os circuitos integrados e causar falhas massivas de discos rígidos. Também pode acontecer um colapso nos sistemas de comunicação, nos automóveis e na aviação.

Somente nos EUA, o dano de uma tempestade nessas proporções pode ser entre 1 e 2 trilhões de dólares no primeiro ano. A recuperação completa de todos os danos causados pode demorar de 4 a 10 anos, de acordo com um relatório de 2008 do Conselho Nacional de Pesquisa.

Fonte: http://info.abril.com.br/
Sugestão de artigo: Matheus Moraes

Conheça Viganella, o vilarejo italiano que tem o seu próprio sol




Viganella é uma pequena vila na Itália localizada no fundo de um vale profundo, rodeada por altas montanhas por todos os lados. Isto significa que, naturalmente, a cada ano a partir de meados de novembro até início de fevereiro, a região não tem absolutamente nenhuma luz solar. O retorno dos raios solares lá por 2 de fevereiro é comemorado com alegria a cada ano por vários séculos. Isto é, até dezembro de 2006, quando o problema foi resolvido para sempre. Vejam que engenhoso.
Graças ao brilho de Giacomo Bonzani, um designer e arquiteto, instalaram nas encostas de uma montanha acima de Viganella um espelho gigante que reflete a luz solar na praça da cidade. Um lugar que não via os raios do sol durante o inverno desde o início dos tempos, de repente se via banhado em sua gloriosa luz e calor.
O espelho, que tem 40 metros quadrados de tamanho, 8 metros de largura por 5 metros de altura e está localizada cerca de 870 metros acima da aldeia, é efetivamente controlado por um software de computador que rastreia o sol e inclina-se e transforma os painéis espelhados para que os raios sempre reflitam para a mesma posição. Ele tornou-se realmente uma atração turística desde a sua instalação há mais de 5 anos.

"Tivemos que procurar o material adequado, aprender sobre a tecnologia e, especialmente, buscar o dinheiro", conta. O custo do projeto todo foi de aproximadamente 230 mil reais.

Fonte: http://www.mdig.com.br/.
. Sugestão de Humberto

TOQUE DA CIÊNCIA


Guilherme de Berredo Peixoto, professor do Departamento de Física da Universidade Federal de Juiz de Fora, fala sobre a teoria do Big Bang e a inconsistência matemática que ela carrega – segundo o pesquisador, o Big Bang em si não possui significado físico e não pode ser explicado pela física.

Quem sou eu

Minha foto

Sou professor da rede privada de ensino lecionando as disciplinas Física, Química, Matemática e Ciências no COLÉGIO EFETIVO/MARTINS - RN. Graduado em Ciências com habilitação em Matemática - Licenciatura Plena - pela Universidade do Estado do Rio Grande do Norte - UERN -, graduado em Física - Licenciatura Plena - pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte - UFRN. Professor de Física aplicada a radiologia, física aplicada ao petróleo e gás e Desenho técnico de cursos técnicos ministrados pela CENPE cursos, unidade Patu RN

Postagens populares

Seguidores