Relógio carbônico

Blog monitorado

Monitoramento de terremotos

Image and video hosting by TinyPic

O sol hoje! clique aqui.

Clique e veja a lua

Clique e veja nosso planeta.

Tempo

OBA

TRADUTOR

Arquivo do Blog

Parceria







Tremor de terra em Pedra Preta-RN em 20/06/2012

Hoje, dia 20, ocorreu um novo tremor de terra em Pedra Preta-RN. Esse evento foi registrado pela estação de Riachuelo (RCBR), teve magnitude 2.7, ocorreu às 13:52 UTC (10:52, hora local) e foi sentido na região, segundo informações de Rodrigo Melo, funcinário da prefeitura de Pedra Preta.
 
    O mapa de localização epicentral encontra-se na Figura 1.
 
O registro da estação RCBR encontra-se na Figura 2, abaixo. 

A atividade sísmica em Pedra Preta teve início em dezembro de 2010 e vem se mantendo constante, com períodos de maior e menor atividade, mostrando que a denominada  Falha de Cabeço Preto continua ativa.
 
Fonte: LabSis/UFRN; RCBR; RSISNE; INCT-ET
Heleno Lima Neto, Renato Dantas, Joaquim Ferreira, Rodrigo Pessoa
Category: 0 comentários

EREA - ENCONTRO REGIONAL DE ENSINO DE ASTRONOMIA - NATAL/2012

Estava na hora de Natal realizar um evento de ensino de astronomia do porte de um EREA. Os professores e alunos das redes de ensino carecem de um ensino de astronomia de boa qualidade nas salas de aula. Além disso, vários professores e alunos têm desenvolvido trabalhos de astronomia, mas tiveram poucas chances de expô-los para a comunidade e conversar com pessoas especializadas da área. Um evento deste porte permite o intercâmbio de ideias entre professores, alunos e os especialistas da área trazendo benefícios para ambos os lados.

PARA SABER MAIS: CLIQUE AQUI


Category: 0 comentários

Notícias sobre o trânsito de Vênus.

A Nasa (agência espacial norte-americana) mostrou as primeiras imagens do trânsito de Vênus entre a Terra e o Sol, que aconteceu nesta terça-feira (5). O fenômeno de quase sete horas de duração foi visto como um ponto preto na superfície solar. No Brasil, ele só pôde ser visto em alguns pontos do Acre, do Amazonas e de Roraima.
Os Trânsitos de Vênus são pouco comuns, acontecem em pares separados por oito anos e depois não voltam a ocorrer em menos de 100 anos. O último foi em 2004, e, após esse, que completa o par, os especialistas calculam que não acontecerá outro até 2117.
O início do fenômeno foi visível na América do Norte (em todos os Estados Unidos, no centro e no leste do Canadá), em toda a América Central e no Caribe e no norte da América do Sul (na parte central e norte do Peru, em Equador, Colônia e na Venezuela, em quase todo o território), desde que o tempo fique aberto. O final do fenômeno não será visto nestas regiões por causa do pôr-do-sol.
Toda a passagem de Vênus diante do Sol pôde ser vista no leste da Ásia e na região do Pacífico Ocidental. Na Europa, Oriente Médio e no sul da Ásia foram visíveis as etapas finais da passagem, à medida que for amanhecendo na região, na quarta-feira (6).
A maior parte da América do Sul, assim como o oeste e o sudoeste da África, não conseguirão observar o fenômeno.
A Nasa prometeu "a melhor vista possível do evento" através de imagens em alta resolução captadas de seu Observatório de Dinâmica Solar (SDO, na sigla em inglês), em órbita ao redor da Terra. No site da agência foi possível ver o trânsito em tempo real.
"Uma passagem assim é um espetáculo maravilhoso e raro. Se levarmos em conta a imensidão do céu, é bastante incomum que um planeta passe em frente ao disco do Sol e é preciso esperar 2117 para [ver] o próximo", disse o co-pesquisador do SDO, Richard Harrison.
O blog traz com exclusividade o trânsito de vênus transmitido diretamente da NASA.
Category: 0 comentários

ENVIE UM EMAIL PARA O BLOG CIÊNCIAS AQUI!!!

Quem sou eu

Minha foto

Sou professor da rede privada de ensino lecionando as disciplinas Física, Química, Matemática e Ciências no COLÉGIO EFETIVO/MARTINS - RN. Graduado em Ciências com habilitação em Matemática - Licenciatura Plena - pela Universidade do Estado do Rio Grande do Norte - UERN -, graduado em Física - Licenciatura Plena - pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte - UFRN. Professor de Física aplicada a radiologia, física aplicada ao petróleo e gás e Desenho técnico de cursos técnicos ministrados pela CENPE cursos, unidade Patu RN

Postagens populares

Seguidores